Header Ads

Futebol Feminino no Brasil e no Mundo


Futebol Feminino surgiu em 23 de março de 1885, em Londres na Inglaterra. O jogo foi entre equipes do norte e do sul representando duas partes da cidade de Crouch End. Porém,há relatos, de disputas antes desta data, como, por exemplo, uma competição anual,em Lothian, Escócia em 1790.
Em 1894 foi fundado o primeiro time de futebol feminino o Ladies Football Club, criado para demonstrar que as mulheres poderiam alcançar a emancipação e ter um lugar importante na sociedade.

Após a Copa do Mundo 1966 a FIFA criou o ramo feminino. Em 1971, a UEFA instruiu seus respectivos parceiros a gerir e promover o futebol feminino e na Europa ele foi consolidado nos anos seguintes. Assim, países como a Itália, E.U.A. e o Japão têm ligas profissionais cuja popularidade não inveja o que é atingido pelos seus similares do sexo masculino.

A presença feminina no futebol no Brasil  ainda busca uma afirmação. A maior dificuldade é tentar driblar o machismo, que é tão predominante na cultura brasileira. Em 2007, foi criada a Copa do Brasil de Futebol Feminina, que busca difundir o esporte no país e atrair novos talentos.

Uma das melhores jogadoras do Brasil, Cristiane, que nasceu em Osasco-SP e desde criança gostava de jogar futebol na rua de sua casa e, aos 15 anos, foi convocada pela primeira vez para a seleção brasileira. Ela foi a jogadora que marcou o gol que garantiu a medalha nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo. Hoje, a atacante é uma das peças chaves da seleção e foi eleita a segunda melhor jogadora do mundo, perdendo apenas para a compatriota Marta.


A melhor representante do futebol feminino nacional é a jogadora Marta, que foi considerada a melhor do mundo pela FIFA por 5 anos seguidos. Nascida em Dois Riachos-AL, mudou-se para o Rio de Janeiro com 14 anos em busca de um sonho. Jogou pelo Umea IK, na Suécia, onde obteve médias de gols impressionantes e foi eleita artilheira por quatro anos e melhor atacante em 2007 e 2008. Marta é a primeira mulher a jogar uma partida internacional de futebol masculino e foi eleita pela ONU, embaixadora da Boa Vontade. Sua trajetória é uma inspiração para futuras jogadoras.



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.